Viagem

Viajar traz mais felicidade que casamento e emprego novo, diz estudo

Viajar é uma das melhores coisas da vida, e disso estamos carecas de saber. E é o que indica mais uma pesquisa da Booking,  feita entre 9 de setembro e 4 de outubro, que ouviu mais de 17.000 mil pessoas de diversos países países (Nova Zelândia, Reino Unido, Alemanha, Austrália, França, Tailândia, Índia, Holanda, Japão, Itália, China, Espanha, Brasil, Croácia, Canadá, Rússia e EUA), que sairam de férias pelo menos uma vez no ano passado.

Quarenta e nove por cento dos entrevistados garantem que viajar traz mais felicidade do que o dia em que se casaram e 51% deles são mais felizes explorando o mundo do que num encontro romântico. Viajar ainda é melhor do que ficar noivo (45%)  ou ter filhos (para 29% dos entrevistados).

maxresdefault

A pesquisa afirma ainda que para 70% dessas pessoas a felicidade gerada pelas viagens é mais duradoura do que a proveniente da aquisição de bens materiais. Por isso, a maioria  prefere investir em andanças pelo mundo ao invés de comprar eletrônicos, jóias ou roupas. Além disso,  77%  resolve tirar férias quando precisa muito de uma dose de felicidade.

Quarenta e oito por cento dos entrevistados também prefere  cair da estrada ao invés de realizar reformas e melhorias na própria casa. E  para 72%, o prazer de viajar já começa na hora de pesquisar o destino para as férias, sendo que para mais da metade (56%), o ápice da felicidade é na hora de reservá-las.  50% garantem  ainda que é melhor do que conseguir um emprego novo!

De acordo com o especialista em felicidade Shawn Achor,  no mundo atual cada centavo e cada segundo contam, então os viajantes querem um retorno do tempo e dinheiro que investem, já que ninguém é louco de gastar para ficar mais estressado. Tá certo, não?!

Fotos: Flickr e Pixabay




Aprenda a ser um Nômade Digital

31.934 pessoas fazem parte de nosso grupo fechado de dicas por e-mail. É grátis!