História Nômade

História Nômade: viajando em busca das coisas simples

Ter liberdade! Cuidar do nosso tempo! Aprender algo novo todos os dias, buscar a simplicidade nos passos, cheiros, sabores, sorrisos! Viver intensamente! Sentir a brisa do mar, caminhar por ruas diferentes, ver o pôr do sol, andar quilômetros na natureza, ouvir e aprender línguas diferentes, não ter medo da violência, criar uma família num lugar tranquilo.

Para nós, tudo isso é sinônimo de viver uma vida feliz. Simples momentos que podem ser desfrutados por todas as pessoas. Mas nós percebemos que estávamos utilizando o nosso tempo de forma desbalanceada. Percebemos que a gente só conseguia aproveitar totalmente momentos como esses quando estávamos viajando. E está aí a reposta do porque decidimos colocar uma mochila nas costas e viajar.

Mais do que isso, a Hands on Dream representa não somente uma volta ao mundo, para seguir sonhos, quebrar a rotina e depois voltar a viver a mesma vida de antes – para nós, representa a mudança de um estilo de vida.

Durante esse período, estamos tendo tempo de sobra para pensar e decidir o que faremos com nossas vidas. No lado pessoal e profissional. Não viveremos mais no Brasil e certamente levaremos uma vida mais simples, depois de tudo que temos visto a aprendido na estrada.

HoD_Dreamers-3255

É difícil explicar um sentimento que te acompanha desde sempre! Desde que me conheço por gente sempre tive vontade de morar em outro país, de viajar por aí, de aprender outra língua e conhecer um mundo diferente. Fui morar fora e essa vontade aumentou ainda mais! Conheci um jeito novo de viver a vida e tive a certeza que algum dia eu ainda faria algo diferente com a minha vida! (Gabi).

HoD_Dreamers-1822

Idealizamos a viagem com a decisão de buscar um lugar no mundo para viver. E para poder desfrutar de tudo o que não tínhamos tempo suficiente para fazer no nosso modelo de vida anterior. No final das contas, o objetivo final acabou sendo esmagado pelas experiências da jornada! Até que deixamos nos levar…

 HoD_Dreamers-7894

Obviamente, precisamos de 2 anos de planejamento financeiro para tornar o projeto viável. Trabalhamos duro, economizamos mais de 75% de nossa renda mensal, vendemos nossos pertences e só então saímos de São Paulo com a vontade imensa de ver o mundo e suas peculiaridades.

Alguns dizem que deixamos tudo para trás. Mas nós não consideramos dessa forma. Apenas promovemos uma mudança para experimentar outras formas de viver. Sentimos muita falta da família e dos amigos, mas sempre estaremos presentes, mesmo que não fisicamente.

Quanto à vida que tínhamos em São Paulo, não sentimos nenhuma falta e estamos cada vez mais certos da escolha que fizemos.

 HoD_Dreamers-3066

Já se passaram 9 meses. Rodamos a América Latina e aprendemos muito. Conhecemos algumas realidades muito mais duras que a nossa, que nem imaginávamos. Conhecemos pessoas maravilhosas. Fomos roubados logo no início da viagem e isso foi um baque. Vimos lugares incríveis. Dormimos em lugares péssimos e inacreditáveis (tudo pela economia). Vivemos momentos únicos. Conhecemos a natureza mais de perto. Recebemos uma ameaça de morte por uma rede social, o que nos deixou bastante assustados e chateados. E faríamos tudo de novo!

HoD_Dreamers-8665

Ainda temos muito chão! No próximo mês mergulharemos numa nova experiência! A Europa nos espera com sua cultura exuberante, línguas diversas, costumes variados e a certeza de um mundo diferente que se abrirá. Em seguida a Ásia, com todo o seu esplendor, será cenário para entrarmos de cabeça num estilo de vida totalment diferente do nosso.

“Minha vida tem sido uma caixinha de surpresas! Me propus a sentir e tomar decisões tendo como principal foco a minha felicidade. Percebi que ser feliz me permite fazer os outros felizes de uma forma mais pura. A viagem de volta ao mundo é um sonho que se realiza e que cria diariamente muitos outros sonhos. Me sinto cada vez mais vivo!” [Diego]

 HoD_Dreamers-6356

Nessa próxima etapa queremos viver ainda mais a rotina dos lugares visitados. Conhecer os habitantes locais, saber seus costumes, sua rotina e seu modo de vida. Para isso, continuaremos a nos hospedar na casa de locais por meio do Couchsurfing, algo que fizemos na América Latina e graças ao qual vivemos experiências maravilhosas e também algumas traumáticas. Mas sabemos que faz parte do jogo.

Outra forma de aproximação será por meio de trabalhos voluntários em troca de comida e acomodação. Utilizaremos a comunidade Work Away para buscar oportunidades de trabalhar em fazendas. Ao longo desse 9 meses descobrimos uma paixão pela vida rural e queremos cultivá-la e poder viver ainda mais perto da natureza.

HoD_Dreamers-9251

Atualmente estamos vivendo uma vida muito mais simples. E estamos muito satisfeitos com isso. A sensação é que estamos vivendo muito mais! Contamos nossa experiência no site Hands on Dream e na fanpage no Facebook.

Nossa intenção é inspirar pessoas a seguirem e acreditarem em seus sonhos. E não precisa necessariamente ser o sonho de viajar pelo mundo ou morar fora! Todos temos um sonho e se purdemos mostrar um pouco da satisfação que estamos vivendo com nossa realização, acreditamos que podemos motivar pessoas a trabalharem duro para transformar o sonho deles em algo real.

HoD_Dreamers-3477

HoD_Dreamers-2363

HoD_Dreamers-0104

ass-handson

faixa-nomades

Aprenda a ser um Nômade Digital

31.934 pessoas fazem parte de nosso grupo fechado de dicas por e-mail. É grátis!