Viagem

Fotógrafo viaja até a Mongólia para registrar o cotidiano de tribo nômade

Você  já imaginou como é a vida na Mongólia? O fotógrafo e pesquisador  Hamid Sardar-Afkhami retratou parte dela, documentando a vida dos pastores nômades que vivem ao norte do país, chamados de Dukha. Eles levam uma vida um tanto quanto selvagem, cercados com um rebanho de renas, o que resultou em fotos surpreendentes de um povo exótico sobre o qual pouco conhecemos.

Segundo a apuração de Sardar-Afkhami, que é  Ph.D em Sânscrito e Estudos Tibetanos pela reputada Harvard University, os Dukhas têm diminuído consideravelmente em quantidade ao longo dos anos. Atualmente são 44 famílias, em torno de 200 e 400 pessoas. Já  as renas, são  600, sendo que em 1970 eram estimadas em torno de 2000. Elas são domesticadas, fornecem leite, queijo e pele, e também são  utilizadas para a caça. Atualmente, os nômades obtêm renda por conta do artesanato que produzem e por deixarem os turistas andarem em algumas de suas renas.

Além de clicar belos e impactantes retratos, o fotógrafo documenta este povo para preservar sua cultura. Parte disso está compilado no filme, produzido pelo próprio, “The Reindeer People” (algo como “As Pessoas-Renas”), que descreve, dentre outras coisas, as conexões  entre florestas e espíritos dos antepassados.

Vem ver os registros feitos por lá:

hamid-sardar

hamid-sardar2

hamid-sardar3

hamid-sardar4

hamid-sardar5

hamid-sardar6

hamid-sardar7

hamid-sardar8

hamid-sardar9

hamid-sardar10

hamid-sardar11

hamid-sardar12

hamid-sardar13

hamid-sardar14

Todas as fotos © Hamid Sardar-Afkhami

Você  já imaginou como é a vida na Mongólia? O fotógrafo  Hamid Sardar-Afkhami optou por documentar a vida dos pastores nômades que vivem ao norte do país, chamados de Dukha. Eles vivem cercados com seu rebanho de renas, o que resultou em fotos surpreendentes de um povo  exótico.

As renas fornecem leite e queijo, e também são  utilizadas para a caça. Segundo a apuração de Sardar-Afkhami, que é  Ph.D em sânscrito  e estudos tibetanos pela Harvard, os Dukhas têm  diminuído  consideravelmente em quantidade ao longo dos anos. Atualmente são 44 famílias, em torno de 200 e 400 pessoas. Já  as renas, são  600, sendo que em 1970 eram estimadas em torno de 2000.

Além  de clicar belos e impactantes retratos, o fotógrafo documenta este povo para preservar sua cultura. Parte disso está  compilado também  no filme feito por ele, “The Reindeer People” (algo como “As Pessoas-Renas”), que descreve, dentre outras coisas, as conexões  entre florestas e espíritos dos antepassados.




Aprenda a ser um Nômade Digital

31.934 pessoas fazem parte de nosso grupo fechado de dicas por e-mail. É grátis!