Viagem

A Croácia tem uma adega de vinho debaixo d’água aberta ao público – e é tão legal quanto parece

Como se não houvessem razões o bastante para visitar a Croácia, aqui vai mais uma: o país agora abriga uma adega submersa, localizada na península de Pelješac. O lugar se chama Edivo Vina e requer um mergulho no fundo da baía de Mali Ston para ser explorado.

Vinho 2

Isso porquê o as garrafas de vinho são conservadas embaixo da água, mantidas em jarros de barro chamados de anfôras por um ou dois anos antes de poderem ser apreciadas. De acordo com os proprietários, Anto Šegović e Edi Bajurin, essa forma de armazenamento garante todos os elementos de sabor e qualidade da bebida e promove ainda um aroma adicional, o de pinheiro.

CroaciaWine

Além de ver os jarros de barro embaixo da água, os mergulhadores podem ainda conferir um navio afundado que também está localizado na baía. Ele é usado como adega para as ânforas e outras garrafas de vinho, que estão sendo envelhecidas no mar Adriático.

Vinho 3

A ideia de criar a Edivo Vina surgiu há cinco anos. Seus proprietários acreditam que o mar provêm o resfriamento  das garras em condições ideais  e que o silêncio absoluto de suas profundezas melhora a qualidade dos vinhos. Quem visita a adega pode ainda comprar jarros de ânforas antigos, que emergem da água cobertos por conchas, algas e outros seres do mar.

Vinho 1

Vinho 4

Todas as fotos: Reprodução




Aprenda a ser um Nômade Digital

31.934 pessoas fazem parte de nosso grupo fechado de dicas por e-mail. É grátis!