Tecnologia

Brasileiras criam site pra conectar quem quer um produto do exterior com quem pode trazê-lo na mala para o Brasil

Chama-se Cabe na Mala e é bem fácil entender o motivo: esta plataforma colaborativa nasceu para ser uma ponte entre quem procura um produto de fora do Brasil e alguém que está perto dele e pode incluí-lo na bagagem. Para que todos ganhem, há, claro, uma comissão a pagar a quem trouxer o produto.

Quem nunca viajou pra um qualquer canto do mundo e teve metade dos amigos insistindo pra trazer algum produto pra eles? Marcela Kashiwagi morava na Flórida, mas foi em Boston que a ideia lhe surgiu: vários amigos pediam que trouxesse o iPad2 e Marcela viu ali uma oportunidade de negócio.

Daí até nascer o Cabe na Mala foi um pequeno passo. Inicialmente a equipe era de sete pessoas, mas hoje apenas Marcela e a sócia, Ana Paula Lessa, tomam conta do negócio. O funcionamento é simples: você se cadastra no site e especifica o produto que quer e o país onde ele se encontra. Quem estiver viajando nesse lugar, se disponibiliza pra trazer. Depois você paga para o site que, quando o produto estiver na sua mão, vai dar o dinheiro para o viajante (e guardar 10% pra si, é claro). Um negócio bom pra todo mundo.

Assista ao vídeo de apresentação do Cabe na Mala:

CabenaMala1

CabenaMala2

CabenaMala3

CabenaMala4

Aprenda a ser um Nômade Digital

31.934 pessoas fazem parte de nosso grupo fechado de dicas por e-mail. É grátis!